Movimentos

13 de novembro de 2017 - 17h18

RS: Trabalhadores driblam pressão da reforma e fecham aumento real

Sindicomerciários RS
Sindicomerciários durante o protesto no Sul no dia 10 de novembro contr as refomas trabalhista e da previdência social Sindicomerciários durante o protesto no Sul no dia 10 de novembro contr as refomas trabalhista e da previdência social

O reajuste salarial teve aumento real e ficou em 2.70%, retroativo à data-base. As cláusulas sociais, estabelecidas no acordo anterior, foram reafirmadas.

“É importante destacar que além de conquistarmos um aumento real para a categoria, conseguimos manter as cláusulas sociais como, por exemplo, auxílio creche, auxílio escolar, quinquênio, piso para comissionados e pré-aposentadoria de 12 meses. Isso diante da pressão patronal e da reforma trabalhista”, avalia Silvio Frasson, presidente do Sindicomerciários.

A convenção coletiva dos comerciários do setor de peças vale para Caxias do Sul, Nova Pádua, Flores da Cunha e São Marcos. Demais valores definidos no acordo:

Mínimo profissional: R$ 1.284,00

Mínimo comissionado: R$ 1.670,00

Comissionado e vendedor com mais de 2 meses: R$ 1.670,00

Salário experiência – 60 dias: R$ 1.134,00

Quinquênio: R$ 128,40

Auxílio creche: R$ 321,00



Portal CTB

  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais