Maia reage a Bolsonaro e cobra “respeito às instituições democráticas”

“Só a democracia é capaz de absorver sem violência as diferenças da sociedade e unir a Nação pelo diálogo”, tuitou o deputado

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia

O presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), criticou a postura antidemocrática do presidente Jair Bolsonaro, que, no Carnaval, mandou mensagens no WhatsApp para convocar seus aliados ao ato de 15 de março contra o Congresso e o Judiciário. “Criar tensão institucional não ajuda o País a evoluir. Somos nós, autoridades, que temos de dar o exemplo de respeito às instituições e à ordem constitucional”, afirmou Maia no Twitter.

“O Brasil precisa de paz e responsabilidade para progredir”, agregou o parlamentar. “Só a democracia é capaz de absorver sem violência as diferenças da sociedade e unir a Nação pelo diálogo. Acima de tudo e de todos está o respeito às instituições democráticas.”

Na próxima terça-feira (3), Maia estará à frente de uma reunião com partidos e entidades com o objetivo de debater e definir ações em defesa do Congresso Nacional e da democracia.

Autor

2 comentários para "Maia reage a Bolsonaro e cobra “respeito às instituições democráticas”"

  1. Jose disse:

    O Presidente foi eleito pela democracia, jurou respeito a constituição e não respeita os outros poderes? Quando bolsonaro estava no congresso votava a favor do orçamento impositivo e agora e contra?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *