Nelson Teich, ministro da Saúde, pede demissão do governo Bolsonaro

Assim como o ex-ministro Luiz Henrique Mandetta, Nelson Teich vinha sendo desautorizado pelo presidente sobre algumas questões envolvendo o combate ao coronavírus

(Foto: PR)

Antes de completar um mês no cargo, o ministro da Saúde, Nelson Teich, pediu demissão nesta sexta-feira (15) e convocou coletiva para explicar os motivos.

Assim como o ex-ministro Luiz Henrique Mandetta, Nelson Teich vinha sendo desautorizado pelo presidente sobre algumas questões envolvendo o combate ao coronavírus.

No caso do uso da cloroquina, o ministro fazia alerta para as recomendações científicas. Bolsonaro quer alterar o protocolo do SUS e permitir a aplicação do remédio desde o início do tratamento.

O ministro também foi surpreendido por decreto de Bolsonaro que ampliou as atividades essenciais no período da pandemia e incluiu salões de beleza, barbearia e academias de ginástica.

Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *