Diagnosticado com Covid-19, Bolsonaro encontrou ao menos 57 pessoas

Alguns ministros já fazem teste para verificar se também estão contaminados pelo novo coronavírus

(Foto: Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) esteve com ao menos 57 pessoas na última semana, segundo a agenda do Planalto. No início da tarde desta terça-feira (7), o presidente confirmou que está com Covid-19.

Em quatro ocasiões, Bolsonaro não usou máscara e esteve próximo a, no mínimo, 17 pessoas sem usar a proteção contra o coronavírus. É também de 17 o número de ministros que estiveram com o presidente na semana anterior ao anúncio. A lista inclui Braga Netto (Casa Civil), Ernesto Araújo (Relações Exteriores), Fernando Azevedo e Silva (Defesa), Paulo Guedes (Economia) e Augusto Heleno (GSI).

Alguns desses ministros já fazem teste para verificar se também estão contaminados pelo novo coronavírus. Na manhã de terça, dois ministros fizeram testes: Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Jorge Oliveira (Secretaria Geral). Já Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e Braga Netto testaram na segunda-feira e os resultados deram negativo.

Paulo Guedes coletou material na semana passada e também deu negativo. No entanto, deve repetir o exame daqui a alguns dias. O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, disse em nota oficial que se submeteu a um teste hoje. Ainda não saiu o resultado, mas “ele não apresenta sintomas”.

Com informações do Poder360

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.