Brasil se aproxima do registro de 70 mil mortes por covid-19

Os dados mostram que a progressão das mortes atingiu um platô de estabilidade, em torno de 1.000 por dia. Nos estados, 9 apresentam tendência de crescimento, 11 de estabilidade e 5 de queda.

Em Manaus, observou-se estabilidade no número de mortes por covid-19, freando a escalada

O Brasil registrou 69.184 mortes em função da pandemia do novo coronavírus. Nas últimas 24 horas, foram acrescidas às estatísticas 1.220 pessoas que perderam a vida em decorrência da covid-19. Os dados estão na atualização diária divulgada pelo Ministério da Saúde hoje (9). O consórcio da imprensa apresentou números similares: 69.254 mortes e 1.199 mortes em 24h

Conforme o balanço, há 632.552 pessoas em acompanhamento e 1.054.043 se recuperaram. Há 4.077 mortes em investigação.

O número acumulado de óbitos teve aumento de 1,7% em relação a ontem, quando constavam 67.964 falecimentos pela doença. O painel do órgão também trouxe 42.619 novos casos. Com isso, o total acumulado de pessoas infectadas no país atingiu 1.755.779 (1.759.103, segundo o consórcio da imprensa). 

O total representa um crescimento de 2,4% em relação a ontem, quando o painel do ministério trazia 1.713.160 pessoas nesta condição.

A letalidade (número de mortes por total de casos) foi de 3,9%. A mortalidade (quantitativo de óbitos por 100 mil habitantes) ficou em 32,9.  A incidência dos casos de covid-19por 100 mil habitantes é de 835,5.

Estabilidade pelo número mais alto

Os números mostram que a progressão das mortes por coronavírus no Brasil atingiu um platô, uma estabilidade. A média de mortes passou de 900 por dia em 23 de maio e desde então fica em torno de 1.000 por dia.

Nos estados, 9 apresentam tendência de crescimento, 11 de estabilidade e 5 de queda.

  • Subindo: PR (+67%), RS (+77%), SC (+33%), MG (+66%), DF (+42%), GO (+64%), MS (+88%), PI (+50%), RN (+28%)
O Mato Grosso do Sul teve aumento de 88% na média de mortes registradas
  • Em estabilidade: SP (0%), AM (+7%), RR (+15%), TO (+15%), AL (+9%), BA (+13%), CE (0%), MA (-9%), PB (+9%), PE (-13%), SE (+15%)
O Ceará não apresentou aumento na taxa de óbitos nas últimas semanas
  • Em queda: ES (-16%), RJ (-21%), AC (-35%), AP (-25%), PA (-45%)
Pará foi o estado que teve a maior taxa de queda nos óbitos registrados

Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás.

Em comparação ao balanço da véspera, as secretarias de Saúde de Rondônia e do Mato Grosso não fecharam seus balanços diários até as 20h desta quinta (9) e ficaram de fora deste fechamento.

Estados

Os estados com mais mortes são São Paulo (17.118), Rio de Janeiro (11.115), Ceará (6.741), Pernambuco (5.409) e Pará (5.196). As Unidades da Federação com menos falecimentos pela pandemia são Mato Grosso do Sul (136), Tocantins (240), Roraima (393), Acre (411) e Santa Catarina (447).

Ministério da Saúde divulga dados da pandemia do novo coronavírus nesta quinta-feira (9)
Ministério da Saúde divulga dados da pandemia do novo coronavírus nesta quinta-feira (9) – Divulgação/ Ministério da Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *