Bolsonaro continua sendo maior aliado do coronavírus, diz Flávio Dino

O governador do Maranhão criticou o presidente que comemorou a suspensão dos testes da vacina Coronavac no país

(Foto Reprodução)

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), criticou Bolsonaro por explorar politicamente a suspensão pela Anvisa dos testes da vacina Coronavac, desenvolvida no país pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butatan. Para atacar o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), o presidente respondeu a um apoiador, na rede social, que “ganhou” do tucano.

“163.000 mortos no Brasil. E Bolsonaro fala que ‘ganhou’ ? Qual a vitória ? O atraso de uma possível vacina? Bolsonaro continua a ser o maior aliado do coronavírus no nosso país”, protestou o governador no Twitter.

A atitude da Anvisa também está sendo questionada, uma vez que não deixou claro o que seria “evento adverso grave” para suspender os testes. A Agência listou entre possíveis “eventos” morte, anomalia e internações prolongadas”.

“Não existe nenhum momento [ou motivo] para interrupção do estudo clínico da vacina no Brasil”, disse o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, alegando que a morte usada como justificativa se trata de “um óbito não relacionado à vacina”.

Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *