Manuela e Boulos falam de eleição, sonhos e esperança de um novo país

Com campanhas que repercutirem nacionalmente, Boulos e Manuela conversam sobre o cenário político

Na noite desta quarta-feira (2), uma live com Manuela d’Ávila (PCdoB) e Guilherme Boulos (PSol) colocou em pauta a esperança lançada pelas eleições deste ano, de forma leve, descontraída e ao mesmo tempo politizada, como foi a tônica de ambas as campanhas em Porto Alegre e São Paulo. O diálogo entre os dois candidatos explicitou a renovação do campo da esquerda e a importância da união entre partidos e forças sociais para o enfrentamento da extrema-direita em 2022.

“Nossas campanhas e outras do segundo turno, mobilizaram muita esperança, mais do que projetos de cidade. Embora tenhamos apresentado projetos de cidade críticos, de combate à desigualdade, de dar voz à periferia, a gente mobilizou uma coisa que eu senti isso muito aqui também e que foi muito além da eleição, que não terminou no domingo passado e que não terminaria independentemente de qual fosse o resultado, que é um sentimento da juventude de olho brilhando, que é fazer política com sonho”, disse Boulos ao iniciar o bate-papo.

Na sequência, Manuela comentou: “é isso que tu falas, de ver as pessoas com orgulho carregando a bandeira, das pessoas chorarem de felicidade — as mulheres, os negros e as negras, os jovens — e de conseguirem compreender uma dimensão real do seu sonho. Concordo contigo. Tem muito essa questão da esperança, do sonho, do projeto, mas a eleição municipal tem isso de a pessoa olhar alguém na rua e pensar: “olha, se aqui tiver uma política diferente, essa criança vai viver com mais dignidade”. É algo menos abstrato, menos difuso. Então, é um sonho muito materializável”.

Confira a live na íntegra neste link.

Fonte: PCdoB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *