Ato na Câmara reforça luta de servidores contra reforma administrativa

Oposição se soma ao protesto nacional do funcionalismo e faz ato em apoio à greve geral de servidores públicos contra a PEC 32.

Oposição se soma ao protesto nacional do funcionalismo e faz ato em apoio à greve geral de servidores públicos contra a PEC 32.Richard Silva/PCdoB na Câmara

Os deputados de oposição fizeram protesto em plenário nesta quarta-feira contra a proposta de emenda Constitucional (PEC 32/20) da Reforma Administrativa. Eles empunharam cartazes com dizeres contra a proposta encaminhada ao Congresso Nacional pelo presidente Jair Bolsonaro, para marcar o apoio ao movimento do funcionalismo contra o desmonte do serviço público.

A deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) destacou a manifestação de servidores públicos, que se mobilizaram em todo o país em uma greve geral contra o texto.

“Param suas atividades, ocupam as ruas em manifestações muito densas. Aqui mesmo, na porta da Câmara dos Deputados, eles gritam contra a reforma administrativa apresentada pelo governo por essa dupla Bolsonaro-Guedes. Eles constroem uma proposta de desconstrução do Estado brasileiro”, disse Jandira.

Para a deputada Alice Portugal (PCdoB-BA), a mobilização nacional pressiona o Parlamento contra e PEC. “Essa proposta de reforma administrativa – que não reforma nada, que não entrega nada à sociedade brasileira, que não trata da administração pública, apenas dá punição aos servidores públicos – precisa ser rejeitada”, afirmou.

Mais cedo, vários parlamentares de oposição participaram de ato em frente à Câmara, quando reforçaram a importância do serviço público e a luta para derrotar a PEC 32 no Parlamento.

O protesto foi marcado por centrais sindicais e movimentos populares contra mais uma medida do governo que ameaça os direitos trabalhistas e serviços públicos essenciais para o povo. O PCdoB foi uma das legendas que marcou presença no ato e reafirmou seu compromisso contra a proposta em análise em comissão especial.

Leia também: Deputados protestam em ato contra a reforma administrativa de Bolsonaro

Da Liderança do PCdoB na Câmara

Autor