A palavra é de prata, o silêncio é de conivência

.

Rio de Janeiro, 2 de Junho de 2020.

Pai,
Uma onda de protestos começou nos EUA, e se espalhou pelo mundo todo, depois que um negro foi assassinado por policiais, que o sufocaram até a morte!
Que nem aconteceu aqui no Brasil, quando um segurança matou um negro do mesmo jeito.
Várias personalidades se manifestaram, mas um jogador de futebol, negro, que costuma não se posicionar sobre nada, quando foi cobrado, achou ruim.
Não respondeu a cobrança, mas foi lá curtir um comentário defendendo o silêncio dele!
O silêncio também é um posicionamento político.
Você me ensinou isso.
Quando alguém deixa de se posicionar, tá passando pras pessoas que o conhecem, que aquilo não é importante.
A denuncia sobre a violência policial contra negros e moradores de favelas, não é nova, eles reclamam faz tempo.
Mas agora a “denúncia” veio de dentro de um condomínio de luxo de SP:
-“Você pode ser macho na periferia. Aqui é Alphaville mano!”
Xingou o PM dos mais diversos nomes, que ficou parado, só olhando.
E quando a polícia invadiu e atirou nas costas do garoto João Pedro, de 14 anos dentro da casa dele?
Ah! Lógico! Ele era negro e morava na periferia!
O morador de Alphaville tá certo, né pai!?
Já ia esquecendo.
Sabe o jogador de futebol que falei?
Ele publicou:
“Black lives matter #blackouttuesday”
E só!
Será que passaria batido como sempre, se não tivesse sido cobrado?
Um beijo do seu filho,
Ivan

As opiniões expostas neste artigo não refletem necessariamente a opinião do Portal Vermelho
Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *