A esquerda bem informada
A esquerda bem informada
Trump chuta seu vira-lata sarnento

Donald Trump prepara-se para chutar outra vez Bolsonaro, seu vira-lata sarnento. Ele já fala em suspender os voos do Brasil aos EUA para conter o coronavírus. “O Brasil não tinha problema até há pouco tempo. Agora os números estão subindo e, sim, estamos considerando um veto de viagens”, afirmou o ídolo do “capetão”.

O vírus e o asno

.

Bolsonaro: Chega de fingir que não estamos numa pandemia!

Bolsonaro segue implementando uma linha política extremamente nociva ao povo brasileiro.

Em zigue-zague e sem rumo

“Não há perspectiva de alteração substantiva no desempenho do governo em face de pandemia. Mesmo que tenha, com palavras tímidas, falado em união com governadores e prefeitos, estes seguirão articulados entre si e exigindo do governo central as medidas e os recursos cabíveis.”

Bolsonaro nega isolamento social e vive isolamento político

“A forma repugnante como Bolsonaro tem tratado a questão do coronavírus no Brasil tem deixado grande parte da população apreensiva.”

Coronavírus impõe novos desafios para a educação

É perceptível que coronavírus (COVID-19) mudou a rotina de milhões de pessoas em todo o planeta. No caso do Brasil, a quarentena, remédio encontrado para dirimir os impactos da pandemia, afetou o mundo do trabalho e, como não podia ser diferente, a educação das

Arte ocupa as casas em tempos de Coronavírus

“No Brasil é crescente o acesso à internet. De acordo com pesquisa divulgada pelo IBGE em 2018, cerca 70% da população tem acesso à internet, boa parte via celulares, essa acessibilidade caminha com os interesses de ampliação de mercados e acumulação do capital.”

Vozes internacionalistas na crise do coronavírus

(…) Se levantam em defesa de medidas emergenciais para proteger a saúde e os direitos dos povos (…) e criticam os governos de países capitalistas e imperialistas, condenam as políticas neoliberais que devastaram os sistemas públicos.

O homem que sabia de menos

Uma outra pandemia precedeu a atual no Brasil. A primeira transformou parte considerável da população em indivíduos intolerantes, fanáticos e obedientes seguidores dos que lançaram sobre eles o vírus da ignorância.

Cadê o dinheiro que não existia?

“Se não aprovarmos a Reforma Trabalhista, as empresas quebram. Será o único modo de reduzir o desemprego”.

Tirar Bolsonaro e criar uma frente ampla para liderar o país

“Não fez nada para melhorar a renda das brasileiras e brasileiros vulneráveis como os trabalhadores informais, os desempregados, moradores de rua, indígenas, favelados, enfim todo mundo que precisa de ação do Estado para manter uma renda mínima para ficar em casa, em isolamento, freando a disseminação do perigoso vírus.”

Brasil: sairemos melhores dessa crise?

Ficará claro que o projeto neoliberal, de redução do tamanho e do papel do Estado, só beneficia os ricos? Depois da crise e suas consequências, a classe dominante terá empatia pelo povo e os trabalhadores? Depois dessa crise, o povo brasileiro vai adquirir mais consciência política? O povo sairá menos ingênuo, politicamente falando, desse caos social e econômico? O povo perceberá, depois dessa crise aguda, que o que produz riqueza é o trabalho? Daí a relevância da classe trabalhadora!?

1 2 3 873

Colunistas

Altamiro Borges
As Cartas do Pai por Ivan Cosenza
Abigail Pereira
Luciano Siqueira
Wadson Ribeiro
Christian Lindberg
Alexandre Lucas
José Reinaldo Carvalho
Jandira Feghali
Paulo Kliass