A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: Relações exteriores

De Olho no Mundo, por Ana Prestes

A especialista em relações internacionais, Ana Prestes, destaca nesta segunda-feira (11), a nota escrita por seis ex-chanceleres brasileiros, em que trata da grave preocupação com os rumos da política externa do Brasil. Segundo o texto, os erros da pasta atingiram “um patamar de disfuncionalidade e de prejuízo” sem precedentes durante a crise do coronavírus.

“Imbecilidade”: políticos condenam 02 por fala sobre a China

Em meio à expansão crescente da doença no Brasil, congressistas não pouparam na reprimenda ao filho 02 de Jair Bolsonaro por post acusatório contra chineses

De Olho no Mundo, por Ana Prestes

A especialista em relações internacionais Ana Prestes, aborda em suas notas desta segunda-feira (9) a queda do preço do Petróleo, as grandes mobilizações do Dia da Mulher e o coronavírus que se espalha na Itália. Entre outros assuntos:

Escritor americano premiado diz que Araújo envergonha o Itamaraty

O escritor norte-americano Benjamin Moser, prêmio Itamaraty de Diplomacia Cultural em 2016 e autor da biografia de Clarice Lispector, escreveu uma carta endereçada a Ernesto Araújo, ministro das Relações Exteriores de Jair Bolsonaro, afirmando que a imagem do Brasil no exterior ficou pior com o novo governo, graças às declarações "ridículas" que o chanceler têm dado sobre aquecimento global, combate à globalização e outros assuntos.

 Vagas que Bolsonaro não poderá preencher

Cerca de 20 mil colaboradores cubanos, que nesses cinco anos chegaram ao Brasil, o fizeram porque os profissionais daquele país nem de outros cadastrados para preencher vagas para o atendimento sanitário não iam para os lugares mais necessitados. Este foi o caso em 2013 e a história parece se repetir agora, dizem vários entrevistados. 

Brasileiras exigem resposta do governo sobre assédio contra russa

Casos de violência de gênero, segundo a vice-secretária-geral da ONU, Amina Mohammed, são uma “pandemia global” e precisa ser combatida por todas as nações. Entidades de defesa dos direitos femininos e lideranças políticas repudiam atitude de torcedores brasileiros que agrediram mulher na Rússia.

Por Iberê Lopes

PCdoB debate conjuntura política com países árabes

Uma delegação do PCdoB, chefiada pela presidente nacional Luciana Santos, esteve hoje em reunião com embaixadores de países árabes em Brasília. A líder da Bancada na Câmara, Alice Portugal (PCdoB-BA), e os deputados federais do PCdoB Jandira Feghali (RJ), Moisés Diniz (AC), Professora Marcivânia (AP), Orlando Silva (SP), Assis Melo (RS) e Davidson Magalhães (BA) também participaram do encontro.

Por Ana Prestes

Celso Amorim: Enquanto perdurar a ilegitimidade, Brasil ficará isolado

Em entrevista à Carta Maior, o embaixador Celso Amorim, ex-ministro das Relações Exteriores no governo do presidente Lula e da Defesa no governo Dilma, falou sobre a conjuntura política e o retrocesso das políticas sociais desde o golpe de 2016.

Samuel Pinheiro Guimarães: José Serra no Itamaraty foi desastroso

O tucano demonstrou notável despreparo para a função de chanceler, diz o embaixador Samuel Pinheiro Guimarães, novo colunista do site de CartaCapital.

Por Sergio Lirio, na CartaCapital

PCdoB repudia ataques do novo chanceler golpista à Venezuela

Nesta segunda-feira (13) a Secretaria de Política e Relações internacionais do PCdoB divulgou uma nota onde presta solidariedade ao povo venezuelano e ao Presidente Nicolás Maduro, diante dos ataques do novo Ministro das Relações Exteriores do governo golpista brasileiro, Aloysio Nunes.

A diplomacia do Brasil no governo Lula

O livro do ex-chanceler Celso Amorim, relatando o protagonismo alcançado pela política externa do Brasil durante os oitos anos do governo de Lula, foi escrito em 2014. Mostra que é possível ter uma diplomacia independente. Lido hoje, é um contraponto à diplomacia de Temer e José Serra, que voltou a ser subalterna ao império norte-americano.

Por Carlos Azevedo

Tomaz Paoliello: Política Externa, o desmonte oculto

O ministro das Relações Exteriores, José Serra, parece desastrado. Declarações fortes, posições polêmicas, bate-bocas diplomáticos. Os chamativos primeiros passos da política externa do ministro indicado pelo presidente Michel Temer poderiam ser descritos mais precisamente como tropeços. Em pouco tempo à frente do governo, crises nas relações com Bolívia, Equador, Uruguai e Venezuela, todos importantes parceiros regionais do Brasil.

Por Tomaz Paoliello

1 2 3 16