Weintraub sobre STF: “Botava esses vagabundos todos na cadeia”

Ministro disse ainda que “odeia” o termo “povos indígenas”.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub - Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, pediu a prisão de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) na reunião ministerial de 22 de abril, cujo conteúdo veio está disponível após decisão do ministro Celso de Mello autorizando a divulgação.

O ministro derrubou o sigilo do vídeo quase na íntegra, excetuando as passagens em que “há referência a determinados Estados estrangeiros”, conforme decisão do ministro.

Weintraub afirma que tem que “acabar com essa porcaria que é Brasília. Isso aqui é um cancro”. Na sequência, diz que o governo “está perdendo a luta pela liberdade” e, por fim, afirma: “Eu por mim botava esses vagabundos todos na cadeia, começando no STF”.

O ministro também dá declarações preconceituosas sobre os povos indígenas. “Odeio o termo povos indígenas. Só tem um povo no Brasil, o povo brasileiro. Acabar com esse negócio de povos e privilégios”.

Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *