A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: piso nacional dos professores

Um em cada quatro municípios não reajustou salário de professores

Estudo da CNM ainda mostra que parcela corrigiu salário diferente do piso. Municípios enxergam “insegurança jurídica” para aumento, especialistas da educação comentam.

Novo Fundeb viabiliza piso nacional dos professores, afirma Dieese

Além de virar permanente, fundo terá aumento dos repasses da União e vinculação de 70% para o pagamento de profissionais da educação.

Professores paralisam atividades reivindicando educação de qualidade

Em várias regiões do país, as educadoras e os educadores do ensino básico, cruzam os braços desta terça-feira (15) até a quinta (17). Liderada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), a greve visa fortalecer a luta pela educação pública.

Piso nacional dos professores sobe para R$ 2.135 

O Ministério da Educação anunciou nesta quinta-feira (14) que o piso salarial dos professores da educação básica terá reajuste de 11,36% a partir de janeiro deste ano. O rendimento base da categoria passa de R$ 1.917,78 para R$ 2.135,64 em todo o País. O cálculo do índice de reajuste foi feito pela Secretaria do Tesouro Nacional, do Ministério da Fazenda. 

Fórum para acompanhar piso salarial dos professores é criado

Um fórum para acompanhar a atualização do valor do piso salarial nacional dos profissionais do magistério público da educação básica foi criado por meio da Portaria 618 publicada na edição desta quinta-feira (25) do Diário Oficial da União.

Chico Lopes destaca reajuste salarial de 13% de professores cearenses

Na contramão do discurso de crise e dificuldades orçamentárias, os professores da rede pública estadual do Ceará deverão conquistar em breve reajuste de 13% em seus vencimentos. A medida foi destacada na última terça-feira (02/06), na Câmara dos Deputados, em Brasília, em pronunciamento realizado pelo deputado federal Chico Lopes (PCdoB), autor da emenda à lei do piso nacional do magistério que garante aos professores direito a um terço da carga horária para atividades extrassala.

Ceará: Governador entrega Lei do Piso dos Professores à Assembleia

Quando for aprovada, a nova lei vai beneficiar 48.842 professores da rede pública estadual.

Governador leva Lei do Piso dos Professores à Assembleia Legislativa

O projeto de lei que vai promover um reajuste total de 13,01% no salário de 48.842 professores da rede pública estadual será entregue pelo governador Camilo Santana à Assembleia Legislativa do Estado. O chefe do Executivo Estadual vai ao encontro dos deputados nesta quinta-feira (28/05), para apresentar a mensagem, que segue o trâmite normal da Casa, sendo encaminhada para apreciação das comissões e depois para votação no plenário.

Professores estão em greve em seis estados por piso nacional 

Professores das redes estaduais de seis estados estão em greve, segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). Os estados em que há paralisação da categoria são o Pará, Santa Catarina, o Paraná, São Paulo, Goiás e Sergipe, onde a greve começou nesta segunda-feira (18).

13,01%: Governador anuncia reajuste para professores da rede estadual

No Dia Internacional da Educação, 28 de abril, o governador Camilo Santana homenageou os professores de todo o estado atendendo a uma antiga demanda da categoria: anunciou reajuste que iguala o salário dos profissionais no Ceará com o piso nacional da categoria. A proposta corrige o vencimento básico do magistério em 13,01% e beneficia 48.842 professores da rede estadual.

Governo do Estado assegura pagamento do piso nacional aos professores

Com o objetivo de fortalecer a valorização dos profissionais da educação, foi realizada nesta semana, na Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), uma reunião sobre o piso nacional do magistério que será pago aos professores da rede estadual em atividade, inativos e temporários.

Bloqueio de despesas não afeta o MEC, enfatiza ministro

O ministro da Educação, Cid Gomes disse nesta sexta-feira (9) que o bloqueio das despesas dos ministérios anunciados pela pasta do Planejamento não afetam as metas estabelecidas pelo ministério para este ano. “No Ministério da Educação, não há um centavo sequer de corte naquilo que é atividade fim”, salientou Cid Gomes.

1 2 3 9