Senadores da oposição cobram postura independente de Rodrigo Pacheco

O senador mineiro recebeu votos dos partidos governistas e da oposição numa eleição que obteve expressiva votação

(Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)

Após se eleger presidente do Senado com um discurso de independência entre os poderes, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) foi cobrado por senadores da oposição a implementar essa linha na condução dos trabalhos da Casa. Apoiado pelo Palácio do Planalto, o mineiro recebeu votos dos partidos de oposição.

“Desejamos uma excelente gestão e sabedoria neste momento tão difícil. As bancadas do PT e oposição cobrarão compromissos como a independência entre os Poderes, garantia de direitos dos trabalhadores e defesa da vida”, disse o novo líder do PT na Casa, Paulo Rocha (PA).

O senador Humberto Costa (PT-PE) também ressaltou a necessidade de independência. “Parabenizo o senador Rodrigo Pacheco pela sua vitória na disputa pela presidência do Senado. Que, sob sua gestão, a Casa seja altiva e independente para cumprir o seu papel constitucional”, disse.

A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) destacou a necessidade de fortalecimento do Senado. “Desejo sorte e equilíbrio nesse enorme desafio. Que Rodrigo Pacheco seja um defensor da democracia e sobretudo da independência dos Poderes. O Brasil precisa de um parlamento forte”, afirmou.

O senador Fabiano Contarato (Rede-ES) aconselhou o novo presidente do Senado a manter uma postura independente. “Seu legado, após cumprida esta missão, será proporcional à sua liderança, independência e capacidade de repelir investidas autoritárias. Para ajudar o Brasil e os brasileiros, conte comigo!”,

Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *