A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: Concentração de renda

Crise econômica não para de gerar bilionários e o primeiro trilionário

Como trabalhadores que vivem o inferno no ambiente de trabalho podem lutar contra o homem mais poderoso da face da terra?

Reduzir desigualdades. Se não agora, quando?

Se o combate às desigualdades socioeconômicas nos une enquanto brasileiros, por que seguimos no topo do ranking da desigualdade mundial?

Por que nós, negros, devemos falar do Imposto sobre Grandes Fortunas

É a primeira vez desde a Constituinte de 1988 que há disposição no Congresso e clima favorável para que o IGF seja regulamentado e implantado

Classe média, Brasil e EUA, por Nelson Barbosa

Nos EUA e no Brasil houve compressão da classe média entre 2001 e 2014, mas de modo diferenciado

Frente ampla para derrotar o fascismo é destaque na Semana Vermelha

A marca da semana foi a ação do governador Flávio Dino do Maranhão, em defesa do diálogo e da ampla frente de democratas para derrotar a extrema direita na eleição presidencial de 2022. Em contapartida, o ministro da Fazenda Paulo Guedes vende o Brasil em Davos, na Suíça, com promessas entreguistas absurdas ao grande capital multinacional. O desastre ambiental de Brumadinho (MG) completou um ano e a ameaça de novos desastres continua, assim como a imp0unidade das empresas culpadas. A política do governo mantém os salários perdendo para a inflação. E partidos da oposição querem investigar o presidente Jair Bolsonaro e o ministro Onyx Lorenzoni por compra de votos na Câmara dos Deputados. A luta pela democracia é cada vez mais urgente e necessária!

Concentração recorde: bilionários têm mais riqueza que 60% do Planeta

Relatório da Oxfam também aponta para uma desigualdade de gênero: mulheres são responsáveis por 75% do trabalho de cuidado não remunerado realizado no mundo.

O resultado do neoliberalismo

Empresários norte-americanos avaliam mal os resultados das políticas neoliberais

Renda deve continuar concentrada em 2020

Projeção de pequena retomada do crescimento não prevê redução expressiva do alto desemprego e a renda deve continuar concentrada nas mãos dos mais ricos.

Bolsonaro governa para o andar de cima

“Longe de incentivar a economia e proteger o trabalho o governo liberal-autoritário restringe os direitos trabalhistas e desarticula  a cadeia de proteção social”.

Brasil só perde para o Catar em concentração de renda, aponta Pnud 

A vergonhosa desigualdade de renda no Brasil é um dos destaques do relatório de desenvolvimento humano divulgado nesta segunda-feira (9) pelo Pnud (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento). Segundo o estudo, o País é o sétimo país mais desigual do mundo, ficando atrás apenas de nações do continente africano. Pior: em termos de concentração de renda, os brasileiros ficam na penúltima colocação. Apenas o Catar concentra mais renda entre o 1% mais rico da população do que o Brasil.

Concentração de renda cresce assustadoramente no Brasil, aponta IBGE 

Uma preliminar sobre a Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2017-2018, divulgada nesta sexta-feira (4) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), mostra que 1,8 milhão de famílias com renda superior a dez salários mínimos em 2017 abocanharam 19,9% dos rendimentos totais das famílias brasileiras. O rendimento médio nacional foi de R$ 5.426,70.

Por Marcos Aurélio Ruy

Renda dos super-ricos cresceu durante a crise

Entre 2014 e 2016, período de profunda crise no país, a renda dos super-ricos brasileiros só fez crescer. Enquanto o desemprego aumentava, ultrapassando os 12%, o rendimento total da parcela formada por pessoas que ganham mais de 160 salários mínimos por mês aumentou 2,2% em termos reais. 

1 2 3 4