A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: misoginia

Oposição vai ao Conselho de Ética contra Eduardo Bolsonaro

Parlamentares pedem punicção à filho do presidente da Repúblico após ataque misógino na última quarta-feira (7)

Mulheres negras na luta pelo Fora Bolsonaro, por Ângela Guimarães

Por sermos as mais duramente atingidas pelo projeto ultraliberal, racista, misógino, antinacional e neofascista e também por carregarmos a potência de quem mais se confronta com este mesmo sistema produtor e reprodutor das desigualdades, nós, mulheres negras, somos as mais ativas denunciantes desta grave situação e também as portadoras do futuro.

Deputado chama de ‘vergonha’ live de Bolsonaro com criança

Em transmissão na última quinta, Bolsonaro fez piadas gordofóbicas, misóginas, apoiou o trabalho infantil e a sexualização das crianças

Bolsonaro passa dos limites em live com criança, avaliam parlamentares

O presidente fez piadas gordofóbicas, misóginas, apoiou o trabalho infantil e a sexualização das crianças

Bolsonaro, o líder da necropolítica

Bolsonaro – com suas atitudes criminosas diárias vai se consolidando como o vilão do caos

Ao agredir jornalista, Bolsonaro agride a todas as mulheres

A defesa da democracia pressupõe respostas contundentes a cada agressão bolsonarista.

Damares Alves, o bode expiatório de Bolsonaro

A infância violada fez nascer uma mulher adulta incapaz de acreditar que mulheres e homens podem sim viver em relações de igualdade. Assim, a ministra tornou-se um instrumento nas mãos de um presidente misógino.

Por Olívia Santana

Fascista que ameaçava feministas de morte pega 41 anos de prisão

Condenado a 41 anos de prisão por crimes como racismo, terrorismo e divulgação de pedofilia na internet, o militante fascista Marcelo Valle Silveira Mello, preso desde maio de 2018, na deflagração da Operação Bravata, não poderá recorrer em liberdade, conforme a decisão desta quarta-feira (19).

Deputada quer punição para postagem misógina de apoiador de Bolsonaro

A deputada Augusta Brito (PCdoB), procuradora especial da Mulher da Assembleia Legislativa do Ceará, qualificou como misoginia a postagem feita por um servidor do legislativo estadual e apoiador de Jair Bolsonaro que chamou de vadias as mulheres que votaram em Fernando Haddad. A parlamentar afirmou que cobrará medidas à Mesa Diretora e à Justiça.