A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: relaçõers exteriores

A política externa brasileira desmoraliza o Brasil

"A política externa executada pelo Governo de Jair Bolsonaro contraria todos os princípios que devem orientar a política externa brasileira para que esta pudesse contribuir para alcançar os objetivos nacionais, isto é, da maioria do povo brasileiro, de democracia, desenvolvimento, justiça social e soberania".

Por Samuel Pinheiro Guimarães

Bajulação e subserviência pautam a atual diplomacia brasileira

O governo Bolsonaro apressa-se em submeter a política externa exclusivamente aos interesses de Washington.

Por Celso Amorim*

Veto a frigoríficos é retaliação ao governo Bolsonaro, diz líder árabe

Segundo Amr Moussa, ex-secretário-geral da Liga Árabe, descredenciamento de frigoríficos que exportam para a Arábia Saudita é consequência da decisão de transferir a embaixada brasileira em Israel para Jerusalém

 Mello Franco: "Posse de Ernesto Araújo foi o samba do diplomata doido"

Em seu blog, o jornalista Bernardo Mello Franco ironizou o discurso de posse do novo ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo. Segundo o jornalista,  o novo chanceler misturou referências a Renato Russo, Tarcísio Meira, Raul Seixas e um seguidor anônimo no Twitter. Recitou um trecho da Bíblia em grego e uma versão de Ave Maria em tupi, num verdadeiro "samba do diplomata doido".

Alinhamento com os EUA será tragédia econômica e moral, afirma Amorim

Ex-ministro das Relações Exteriores alerta para a cegueira política e ideológica do governo Bolsonaro.

Chanceler de Bolsonaro defendeu Trump como salvação do Ocidente

Em artigo, Ernesto Araújo criticou o "marxismo cultural globalista" e enalteceu o republicano por defender Deus e o nacionalismo.

O que cada candidato propõe para a política internacional

Os cinco primeiros colocados nas pesquisas eleitorais: Jair Bolsonaro, Fernando Haddad, Ciro Gomes, Marina Silva e Geraldo Alckmin. O que consta no plano de governo de cada um em relação à política internacional e às relações exteriores para o próximo governo?

Por Alessandra Monterastelli

Amorim: Ênfase nas relações Sul-Sul é legado, não "blá-blá-blá"

Quem critica essa política pretende nos devolver ao tempo em que Brasil e Argentina rivalizavam para saber quem era mais amigo de Tio Sam. 

Por Celso Amorim*

Flávio Aguiar: O Itamaraty sob intervenção

A “nova” politica externa brasileira parece a política de paquiderme em loja de porcelana. Nada contra as nobres espécies dos paquidermes – os atuais elefantes, rinocerontes e hipopótamos, e os extintos mastodontes e mamutes – em seu habitat natural. Mas uma loja de porcelanas não é o habitat natural das espécies. E a diplomacia internacional está mais para loja de porcelanas do que para savanas e descampados. 

Por Flávio Aguiar*, na Carta Maior

Brasil e Argentina, 30 anos de parceria

Brasil e Argentina celebram 30 anos do encontro histórico que resultou em uma parceria estratégica exemplar. Sob a liderança dos presidentes Raúl Alfonsín e José Sarney, nossos países protagonizaram em 1985 um momento marco na história de sua relação e da integração latino-americana.

Por Dilma Rousseff*

 Entrevista: Celso Amorim, o Brasil e o mundo

 Protagonista de uma das fases mais ativas da diplomacia brasileira, o ex-embaixador e ex-ministro Celso Amorim conta como o Brasil conseguiu furar o bloqueio e se transformar em um importante ator no cenário global

Inácio Arruda saúda reatamento das relações entre EUA e Cuba

O senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) se congratulou, na última quinta-feira (18/12), com os presidentes dos Estados Unidos, Barack Obama, e de Cuba, Raúl Castro, pela ação que busca retomar as relações diplomáticas entre dois povos que estão em um conflito há mais de 50 anos, considerado inaceitável pelo mundo atual. 

1 2 3 12