Deputados da bancada na Câmara celebram os 99 anos do PCdoB

Legenda completa 99 anos de existência na linha de frente da defesa da vida e da democracia

(Foto: Richard Silva/PCdoB na Câmara)

Deputados do PCdoB comemoraram nesta quinta-feira (25), os 99 anos da legenda. A data será celebrada de maneira virtual com ato nacional, às 18h30, nas redes sociais do partido. O tema central será a defesa da vida, da democracia e contra o presidente Bolsonaro.

Para o líder da bancada na Câmara, deputado Renildo Calheiros (PE), o PCdoB é um partido que tem uma questão histórica para existir. “Enquanto existir injustiça, desigualdade, uma quantidade tão grande de pessoas pobres no Brasil, sempre existirá a razão para a existência do nosso partido”, destacou.

Este ano, o partido dedicará sua comemoração ao histórico dirigente e ex-deputado federal Haroldo Lima, falecido nesta quarta-feira (24), em decorrência de complicações da Covid-19. Em mais de meio século de militância revolucionária, Haroldo deu grandes contribuições ao PCdoB e ao país.

A deputada Alice Portugal (BA) afirmou que a legenda “continuará honrando seu legado e de tantos outros por uma nação melhor para todos”. “Hoje o PCdoB comemora 99 anos de muita dedicação à luta do povo brasileiro, dos trabalhadores, das mulheres, da juventude, dos idosos e de todos aqueles que sonham com um Brasil livre e soberano. É o partido que tem o sonho da igualdade e dos comuns. Nesses anos de história, perdemos muita gente para o fascismo. Ontem perdemos Haroldo, nosso líder, que morreu vítima da Covid e da irresponsabilidade deste governo genocida. Vamos seguir honrando o seu legado e de tantos outros. Por uma nação melhor para todos e todas. Viva o PCdoB”, disse.

Militante há 41 anos na legenda, o deputado Daniel Almeida (BA) reiterou a luta em defesa do Estado Democrático de Direito, sempre ao lado dos trabalhadores, dos mais pobres, lutando por direitos, equidade e justiça social.


“É uma honra fazer parte dessa história, que continua sendo uma grande escola. Deixo aqui minha homenagem ao nosso líder Haroldo Lima, que deixou uma linda marca em todos os comunistas e temos o compromisso de manter vivo o seu legado. Com muita fé, confiança no Brasil e no nosso povo continuaremos na luta pela liberdade e democracia. Viva o Partido Comunista do Brasil”, destacou

Segundo a deputada Jandira Feghali (RJ), foi o PCdoB que lhe deu “ideais de um país soberano, justo, forte, solidário, fraterno e potente”. “São 40 anos de militância comunista e a utopia ainda me move. Parabéns a todos camaradas de nosso partido. Viva o PCdoB!”

O deputado Orlando Silva (SP) fez o resgate histórico. Lembrou que no dia 25 de março de 1922, na cidade de Niterói (RJ), nove delegados participaram da fundação do Partido Comunista do Brasil, representação da luta dos operários pela emancipação política, econômica e social. “Os ventos da Revolução de 1917 sopravam”, disse.

Segundo ele, “nesses 99 anos, não há luta popular no Brasil sem a presença dos comunistas e do PCdoB, partido necessário à própria vida democrática do país”.

“Sou militante do PCdoB desde a primeira juventude, quando estudante. Saúdo o aniversário do meu partido rendendo homenagens ao gigante Haroldo Lima, herói que perdemos ontem. Nesses 99 anos de história e lutas, mil vivas à combativa militância do Partido Comunista do Brasil!”

A vice-líder da legenda, deputada Perpétua Almeida (AC), destacou que o partido é indispensável na luta pela democracia e soberania nacional. “O PCdoB, o único partido em que me filiei em toda minha vida política, faz hoje 99 anos. Um partido de militantes, dirigentes e parlamentares dedicados à luta do povo brasileiro. No Congresso Nacional, nas Assembleias Legislativas, Câmaras municipais, governos estaduais e prefeituras temos demonstrado que o nosso partido é indispensável na luta pela democracia e soberania nacional. No PCdoB aprendi, especialmente, a vivenciar diariamente a solidariedade e o companheirismo”, pontuou. 

Fonte: Liderança do PCdoB na Câmara