A Esperança Equilibrista

.

Montagem sobre ilustração de Henfil

Rio de Janeiro, 5 de Maio de 2020.

Pai,

você tinha hemofilia, e por causa da hemofilia acabou recebendo sangue contaminado e contraiu HIV.

Foi se tratar de um problema e saiu com outro,  numa época que a doença era implacável, e você se foi muito rápido.

Se foi, mas deixou escancarado o descaso do governo com o controle de sangue no país. Ninguém testava o sangue. Ele era comercializado, como uma mercadoria qualquer. Deixavam o dinheiro ficar na frente da vida das pessoas.

Nós não deixamos barato e denunciamos! Você mesmo começou a denunciar, antes da doença se agravar.

Hoje, por sua causa e por causa de nossa luta, quando se trata de sangue, a vida vem em primeiro lugar!

Acabamos com o comércio de sangue no Brasil. É proibido por lei!

No dia 4 de janeiro de 1988, uma segunda feira, eu me despedia de você.

Seu amigo Aldir Blanc, pegou uma pneumonia, e precisou se tratar. Por causa da pneumonia, acabou contaminado com Covid-19.

Foi se tratar de um problema e saiu com outro, numa época que a doença ainda é implacável, e se foi, muito rápido.

No dia 4 de Maio de 2020, também numa segunda feira, a gente se despedia dele.

Exatamente 32 anos e 4 meses depois, a história se repetiu.

Mais uma vez temos que denunciar, e mostrar o descaso do governo com a vida da gente!

Temos que mostrar mais uma vez que a vida tem que vir sempre na frente do dinheiro.

Vencemos uma vez e vamos vencer de novo!

Pelo Flávio Migliaccio, que não aguentou a história se repetindo!

Pelo Aldir!

Por você, pai!

Um beijo do seu filho,


Ivan.

As opiniões expostas neste artigo não refletem necessariamente a opinião do Portal Vermelho
Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *