A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Cultura

Samba-enredo da Mangueira critica Bolsonaro

“Favela, pega a visão, não tem futuro sem partilha nem Messias de arma na mão”, diz parte da letra do samba da Mangueira.

Fuga de cérebros: crise política e econômica afasta talentos do Brasil

Saída definitiva do País de profissionais de alta qualificação se acentuou e tem deixado especialistas em alerta

Em livro, filha relata vida e obra de Nelson Werneck Sodré

Odisseia de um general do povo brasileiro e de sua geração intelectual. Esse livro a ser em breve lançado tem o prefácio de Sérgio Caldieri do qual destacamos os seguintes trechos.

Os conservadores daqui e os comunas de Liverpool

A máquina de guerra montada por Bolsonaro para combater o marxismo cultural que hoje seria hegemônico no país.

Sargaço

Para quem deseja a palavra perto.

Bolsonarismo se compara à ditadura, avalia Fernanda Montenegro

A atriz Fernanda Montenegro disse, em entrevista para revista Quem, que a nova direção da Agência Nacional do Cinema (Ancine) é “assassina”, por causa de boicotes ao cinema brasileiro.

Quem tem medo do Cultura Viva?

O Cultura Viva afronte e põe medo nos setores reacionários e conservadores.

Senzala Brasil: Uma releitura de Gilberto Freyre

Para compreendermos a formação histórica e o caráter predatório da elite brasileira, um livro é fundamental: Casa-Grande & Senzala, do grande sociólogo pernambucano Gilberto Freyre.

Cineasta denuncia censura bolsonarista: “Política tóxica e covarde” 

O diretor Karim Aïnouz, de A Vida Invisível, criticou nesta terça-feira (10) o veto à exibição de seu filme a servidores da Agência Nacional de Cinema (Ancine). Vencedor da mostra “Um Certo Olhar”, no Festival de Cannes, o longa é o representante brasileiro na disputa por uma vaga no Oscar 2020 na categoria de Melhor Filme Estrangeiro. A censura à sua exibição partiu da nova secretária do Audiovisual – a ultradireitista Katiane Gouvêa, integrante da Cúpula Conservadora das Américas.

Tom Jobim e a ditadura, por Urariano Mota

 .

As músicas de John Lennon e Tom Jobim fazem a vida valer a pena

Tristemente o dia 8 de dezembro uniu o músico Antônio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim, o nosso Tom com o inglês John Winston Ono Lennon, o mais irreverente do Beatles. Coincidentemente esse dia foi fatal para os dois dos maiores artistas de todos os tempos.

Por Marcos Aurélio Ruy*

Poesia viva de Rachel de Queiroz no sertão do Ceará

 A família Pereira vive na fazenda da escritora desde sua construção, há 65 anos. Ali, abre as portas da casa grande aos visitantes e desenha com a própria memória uma nova imagem de “dona Rachel”.

Por Beatriz Jucá, do El Pais

1 3 4 5 6 7 577