Maia e Guedes: uma relação de amor e ódio

.

(Foto: Reprodução)

A longa novela envolvendo o superministro da economia Paulo Guedes, os ministros mais próximos de Jair Bolsonaro e os presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado, Rodrigo Maia (DEM) e Davi Alcolumbre (DEM), é composta por relações de amor, ódio, amizade, agressões e também de concordância.

Apesar das diferenças públicas, é ilusório pensar que esses agentes políticos estão em desacordo. Mesmo que em alguns tópicos exista diferença entre a direita e a ultradireita, o raciocínio não se aplica à condução da política econômica. A agenda liberal de Paulo Guedes com planos de privatização e eliminação dos direitos sociais é a mesma desejada por outros setores da direita mais tradicional.

As opiniões expostas neste artigo não refletem necessariamente a opinião do Portal Vermelho
Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *