A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Paulo Nogueira Batista Jr.

Economista, foi vice-presidente do Novo Banco de Desenvolvimento, estabelecido pelos BRICS em Xangai, e diretor executivo no FMI pelo Brasil e mais dez países. É autor do livro "O Brasil não cabe no quintal de ninguém", lançado pela editora LeYa. E-mail: [email protected] Twitter: @paulonbjr Canal YouTube: youtube.nogueirabatista.com.br
Paulo Guedes, coautor do desastre

O radicalismo do presidente é notório. O do ministro da Economia talvez seja um pouco menos conhecido, mas tem raízes antigas.

Sobre a polêmica proposta de uma frente ampla

Só há uma coisa pior do que lutar com aliados: lutar sem aliados.

Risco de estrangulamento cambial?

O Brasil converteu-se, em menos de ano e meio de governo Bolsonaro, num exemplo mundial de desordem econômica e política.

Declínio da hegemonia americana e ascensão chinesa

Já há algum tempo, a China é vista como uma grande ameaça, provavelmente sem precedentes, à liderança mundial a que os americanos tanto se apegam.

Bolsonaro vai invadir a União Soviética?

Vou me arriscar no campo pantanoso da política outra vez. Começo com a pergunta que está na cabeça de todos: Bolsonaro tem futuro? Questão crucial, pois quase equivale a perguntar: o Brasil tem futuro?

Macroeconomia na crise: dívida pública, política monetária e bancos

O debate econômico no Brasil mudou muito nos meses recentes, mas ainda está engatinhando em face da dimensão avassaladora da crise. Logo nos primeiros momentos, estabeleceu-se virtual unanimidade quanto à urgência de uma rápida e substancial ampliação do gasto público. “Somos todos keynesianos agora”, repetiu-se urbi et orbi. Ora, como dizia Nelson Rodrigues, toda unanimidade é burra – e esta não escapa à regra rodrigueana.

Bolsonaro em declínio terminal?

A dupla crise da saúde pública e da economia pode vir a ser devastadora. A pandemia não está sob controle. A recessão é inevitável a esta altura, no Brasil e em grande parte da economia mundial. A questão é se será possível evitar uma grande depressão, como a que ocorreu na década de 1930.

Debate econômico em tempos de crise: manipulação e falsa pluralidade

As emergências econômicas e políticas costumam produzir esses fenômenos que, como tudo que é humano, têm o seu lado cômico.

O coronavírus e o fim do voo de galinha

O que temos neste início de 2020 é a combinação de um choque importante, ainda que de magnitude e duração incertas, com vulnerabilidades pré-existentes, de ordem comercial, geopolítica e financeira.

Colunistas

Carolina Maria Ruy
Altamiro Borges
Paulo Kliass
Jaime Sautchuk
As Cartas do Pai por Ivan Cosenza
João Guilherme Vargas Netto
Haroldo Lima
Francisca Rocha
José Carlos Ruy
Eron Bezerra