A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: Filipinas,

Filipinas elegeram um fascista presidente;Brasil seguirá este caminho?

As Filipinas possuem um presidente de nome Rodrigo Duterte. Ele é um político tradicional que foi prefeito de Davao, na ilha de Mindanao, por 22 anos consecutivos. Ele fez sua campanha à presidência prometendo combater a corrupção e sustentando que “bandido bom é bandido morto”.

Por Marcos Rolim*

Trump une-se ao Japão contra a Coreia Popular em sua viagem pela Ásia

O presidente dos Estados Unidos Donald Trump está no Japão, primeiro país que visita em sua viagem à Ásia; a intenção é estreitar os laços com o país para pressionar a Coreia Popular e garantir seu espaço perante o crescimento da China. O presidente norte-americano deveria visitar ainda a Coreia do Sul, China, Vietnã e Filipinas

Por Alessandra Monterastelli*

China reage a manobras militares iniciadas pelos EUA e Filipinas

A defesa da paz e da estabilidade do Mar do Sul da China (ou Mar Oriental) é de interesse comum no mundo, afirmou nesta quinta-feira (26) o porta-voz do Ministério chinês da Defesa Nacional, Yang Yujun. No mesmo dia, as marinhas das Filipinas e EUA começaram uma manobra militar conjunta que durará até 1º de julho, na região, no seguimento da maior presença belicosa para a "contenção" da China.

China: Arbitragem internacional prejudicará relação com Filipinas

Uma eventual arbitragem internacional sobre a disputa do Mar do Sul da China, pedida pelas autoridades filipinas, vai causar um grande prejuízo às relações entre os dois países, ao invés de resolver o problema, afirmou na terça-feira (1º/4) Sun Xiangyang, o encarregado interino da embaixada chinesa em Manila.

Diário do Povo acusa Filipinas de violação de leis internacionais

O jornal oficial da China Diário do Povo publicou nesta terça-feira (1º/4), um artigo de opinião, em que acusa as Filipinas de conspiração política contra Pequim e de violação das leis internacionais.

Hong Kong inaugura sanções ao governo das Filipinas

O governo da Região Administrativa Especial de Hong Kong anunciou nesta quarta-feira (5) a aplicação da primeira fase das sanções às Filipinas, devido à recusa do governo em pedir desculpas pela morte de oito cidadãos de Hong Kong durante o sequestro de um ônibus na capital filipina. Nesta quinta-feira (6), centenas de familiares das vítimas classificaram o governo filipino de "irresponsável".

Coordenadora da ONU reafirma urgência humanitária nas Filipinas

As cidades filipinas atingidas pelo supertufão Haiyan ainda precisam de muita ajuda humanitária para se recuperar, afirmou a brasileira coordenadora residente e humanitária da Organizações das Nações Unidas (ONU), Luiza Carvalho, depois de uma missão internacional conjunta nas áreas de Guiuan, Ormoc e Tacloban.

ONU: Brasileira responsável por ajuda a Filipinas avalia situação

A coordenadora de emergência e coordenadora residente das Nações Unidas nas Filipinas, a brasileira Luiza Carvalho, avalia que a resposta humanitária começa a dar bons resultados, apesar dos muitos desafios logísticos a serem superados para que a ajuda chegue rapidamente às comunidades afetadas pelo tufão Haiyan.

Ângelo Alves: O capitalismo mata! 

O mundo ficou chocado com os efeitos do tufão Haiyan nas Filipinas. Os números são ainda incertos mas apontam para cerca de 10 mil mortos e mais de 4,3 milhões de pessoas afetadas. É um exemplo, muito doloroso, de como a espécie humana é vulnerável à força poderosa da natureza. Mas esta constatação remete-nos para duas linhas de reflexão adicionais.

Por Ângelo Alves*, no jornal Avante!

Ângelo Alves: O capitalismo mata mesmo!

O mundo ficou chocado com os efeitos do tufão Haiyan nas Filipinas. Os números são ainda incertos, mas apontam para cerca de 10 mil mortos e mais de 4,3 milhões de pessoas afetadas. É um exemplo, muito doloroso, de como a espécie humana é vulnerável à força poderosa da natureza. Mas esta constatação remete-nos para duas linhas de reflexão adicionais.

Por Ângelo Alves*, no jornal Avante!

ONU apoia recuperação agrícola nas Filipinas em emergência

À medida em que é revelada a magnitude da devastação provocada pelo supertufão Haiyan nas Filipinas, a Organização das Nações Unidas e parceiros montam uma operação para chegar a milhões desesperados por comida, água e outras necessidades básicas em toda a região. Agentes humanitários estão lutando contra fortes chuvas, estradas bloqueadas, pistas de pouso e portos marítimos danificados.

Agência da ONU envia 25 milhões de dólares às Filipinas

O Escritório das Nações Unidas de Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA) liberou nesta segunda-feira (11) 25 milhões de dólares do Fundo Central das Nações Unidas de Resposta de Emergência (CERF) em resposta à devastação causada nas Filipinas, no fim de semana, por um supertufão.

1 2