A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: uberização

De MP em MP, Bolsonaro liquida (ainda mais) os direitos do trabalhador

Presidente tem recorrido a medidas provisórias (MPs) para fazer, “a conta-gotas”, sua própria reforma trabalhista

Uberizados no Brasil: quem são, como resistem

Motoristas uberizados são, em sua maioria, homens, entre 20 e 50 anos, desempregados, que já rodaram por diversas outras atividades profissionais, inclusive na informalidade. Já os entregadores são mais jovens, negros, da periferia, e estão se inserindo pela primeira vez no mercado de trabalho.

O “gozo cínico”, força motriz da uberização

Por que é tão difícil reformar as plataformas de veículos de passageiros com motoristas (VTC), em particular conferindo status de funcionário aos motoristas?

Uberização: 1,4 milhão de brasileiros trabalham com apps de transporte

Desde 2016, os trabalhadores informais de aplicativos como Uber, Rappi e iFood praticamente dobraram

Com “bicos” e precarização, trabalho por conta própria bate recorde

De cada dez novos postos de trabalho gerados no País no último ano, sete foram por conta própria. E, dos 24,8 milhões que atuam por conta própria, apenas 5,7 milhões têm CNPJ

Trabalhador precarizado, sem sindicato: o novo espírito do capitalismo

Há configuração de novos valores sociais que tornam o sujeito cada vez mais desenraizado, desvinculado e flexível, além de uma ideia de cidadania ligada ao consumo. Essas seriam características de um novo espírito do capitalismo

Comércio eletrônico cria vagas, mas precariza mercado de trabalho

Comércio eletrônico abre 90 mil postos de trabalho, mas ocupações tradicionais devem diminuir. Digitalização do mercado intensifica contratações no setor de logística e entregas e contribui com a precarização da mão de obra

Pedro Doria: O fim dos sindicatos?

Quando a fábrica deixa de existir como principal potência econômica, há algo maior do que um novo estágio do que existia antes

Uberização na Espanha: autônomo ou assalariado?

Trabalhadores de plataformas digitais se manifestaram exigindo ser regulamentados por lei como trabalhadores “autônomos digitais”, exigindo a extensão de seus direitos e ao mesmo tempo mostrando uma rejeição frontal ao seu reconhecimento como assalariados.

Para Justiça da Califórnia, motoristas da Uber e Lyft são funcionários

De acordo com as leis trabalhistas estaduais e federais dos EUA, quando um trabalhador é funcionário, tem direito a todos os direitos trabalhistas, incluindo o direito de se organizar em sindicatos.

As implicações da pandemia para a educação, segundo Dermeval Saviani

Deveríamos cuidar de desenvolver políticas de inclusão digital e atividades de leitura e escrita para todos os alunos, independentemente da série em que estariam matriculados, caso não sobreviesse a pandemia.

1 2