Média móvel de mortes por Covid-19 volta a crescer a 546 no Brasil

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil registrou 661 novas mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas. No total, o país soma 154.837 mortes provocadas pela doença desde o início da pandemia.

Mais vulneráveis à pandemia, trabalhadores que dependem de transporte coletivo mantém o hábito de usar máscara e tentar garantir distanciamento social. Roberto Parizotti/FotosPublicas

Com isso, segundo o consórcio da imprensa, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos sete dias foi de 546. Um número ascendente se considerarmos que a semana anterior manteve uma média abaixo de 500. O Brasil volta à estabilidade (-13%) nos óbitos após 8 dias de indicativo de queda nesse número.

Ponta final da curva revela interrupção na queda de óbitos

Desde ontem, foram confirmados 23.227 novos casos de Covid-19, com um total de 5.273.954 diagnósticos em todo o país. A média móvel de novos casos foi de 22.856 por dia, uma variação de -15% em relação aos casos registrados em 14 dias. Ou seja, também voltou à faixa que aponta estabilidade.

Últimos dias de registros revelam estabilidade que interrompe a queda da semana anterior

O governo federal considera 4.721.593 casos recuperados e afirma que há 397.524 pacientes em acompanhamento.

Mundo

O Brasil continua sendo o país com mais mortes depois dos EUA, embora esteja em terceiro lugar, após a Índia, em total de contágios. Está entre os países que menos testam a população (96o.) e o sexto com mais mortes por milhão de habitantes.

A segunda onda de contágios na Europa fizeram o continente ultrapassar o número de contágios das Américas.

Estados

Apenas um estado apresenta indicativo de alta de mortes: Rio Grande do Norte. Outros 15 estados têm curvas que apontam queda. Outro número pouco otimista, pois na semana anterior chegamos a ter 19 estados em queda.

Outros dez estados e o Distrito Federal apresentaram estabilidade na oscilação da média de mortes no período. Entre as regiões três tiveram estabilidade, Nordeste (-7%), Sudeste (-11%) e Sul (-2%); e duas tiveram queda, Centro-Oeste (-31%), Norte (-27%).

  • Subindo (1 estado): RN
  • Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente (10 estados + o DF): PR, RS, RJ, SP, DF, RR, TO, MA, PB, PI e SE
  • Em queda (15 estados): SC, ES, MG, GO, MS, MT, AC, AM, AP, PA, RO, AL, BA, CE e PE
Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.