A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Internacional

Roberta Traspadini: Chávez, morte matada ou morrida?

 A morte de Chávez foi um fato político. Analisemos duas questões: Por quê Chávez incomodava tanto? E por que após sua morte, a Venezuela deixa de aparecer nos principais meios midiáticos brasileiros?

Por Roberta Traspadini*, no Brasil de Fato

Índia tem aumento de 70% no índice de estupros em dois anos

Oito meses após comoção por estupro coletivo que matou estudante dentro de ônibus, debate não diminui número de vítimas.

México pede "investigação exaustiva" sobre espionagem

Um dia após a denúncia feita pelo programa Fantástico, da TV Globo, com base em documentos do ex-analista da CIA Edward Snowden, de que a presidente brasileira Dilma Rousseff e o presidente mexicano Enrique Peña Nieto haviam sido espionados pelos EUA, a chancelaria do México expressou “seu estranhamento enérgico” em relação ao ocorrido e exigiu a “realização de uma investigação” sobre o caso.

Obama quer defender intervenção militar na Síria na Cúpula do G20

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, defenderá na cúpula do G20 – que começará na quinta-feira (5) em São Petersburgo – sua decisão de realizar uma ação militar na Síria e buscará o apoio de outros líderes em um momento de crise na relação com a Rússia, o país anfitrião.

Israel e EUA realizam exercícios militares no Mediterrâneo

Em meio ao agravamento da crise na Síria, israelenses e norte-americanos fizeram testes nesta terça-feira (3) com o lançamento de mísseis no Mar Mediterrâneo, segundo militares da Rússia. O objetivo do exercício militar foi testar o míssil Ankor, que é um sistema do tipo radar.

Síria: Rússia tem provas de que oposição realizou ataque químico

Rússia tem provas de que o ataque com armas químicas nos arredores de Damasco em 21 de agosto foi perpetrado pela oposição ao regime do presidente sírio Bashar al-Assad, afirmou nesta terça-feira(3) em Moscou o embaixador sírio no país, Riad Haddad.

“Provas” para atacar a Síria são duvidosas e esquivas

Sem apresentar até hoje uma só prova que incrimine o governo sírio pelo suposto uso de armas químicas, os Estados Unidos persistem nas intenções de bombardear o país, ignorando a ONU e a opinião pública.

Por Luis Brizuela Brínguez 

Paraguai quer revisar decisões tomadas pela Unasul e Mercosul 

O ministro das Relações Exteriores do Paraguai, Eladio Loizaga, reiterou nesta terça-feira (3), a vontade do país de que a União de Nações Sul-Americanas (Unasul) e o Mercosul façam uma revisão das decisões tomadas no período em que o Estado permaneceu suspenso dos blocos.

ONU  faz alerta sobre violência contra índigenas na Venezuela

O Comitê da Organização das Nações Unidas (ONU) contra a Discriminação Racial cobrou do governo da Venezuela que investigue e puna os responsáveis por agressões às etnias Ianomâmi e Yukpa. Para as Nações Unidas, as denúncias de violência contra os indígenas são muito graves. O comitê se diz preocupado com a ação dos mineiros que atuam ilegalmente nas áreas ocupadas pelos índios.

Presidente sírio adverte para risco de “guerra regional”

O presidente sírio, Bashar al-Assad, advertiu nesta segunda-feira (2) que uma ação militar dos países ocidentais contra Damasco poderia desencadear uma "guerra regional". País se dirige ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, para que impeça o ataque imperialista.

Síria pede a Ocidente que mostre provas de suposto ataque químico

O presidente sírio, Bashar al-Assad, reiterou a negativa de que suas forças utilizaram armas químicas contra os opositores e chamou os Estados Unidos e França a mostrar uma só prova dessas acusações.

Deputados do México aprovam polêmica lei na educação

A Câmara dos Deputados do México aprovou uma polêmica lei educacional que permitirá avaliar os professores. A medida é amplamente rejeitada pela categoria que realizou protestos com milhares de docentes.

1 1.583 1.584 1.585 1.586 1.587 2.770