A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: Paulo Guedes

O sinal de alerta no descaramento de Guedes

A ideia do AI-5 alerta e incomoda todo mundo. A menção escabrosa do ex-funcionário do Pinochet, hoje lacaio de um presidente fundamentalista fanático, une em uma só voz repúdios de Bruno Covas, Rodrigo Maia, Orlando Silva, Jandira Feghali, Ciro Gomes, Miriam Leitão e Merval Pereira.

Por Carolina Ruy*

PCdoB repudia ameaça de Paulo Guedes de novo AI-5

Durante coletiva em Washington, ministro de Bolsonaro defende volta da ditadura em caso de radicalização de protestos de rua. Deputados do PCdoB condenam fala e afirmam que Guedes desconhece o valor da democracia.

Por Christiane Peres

Dias Toffoli, Haddad e Manuela rebatem aceno de Guedes a novo AI-5 

Diversas personalidade do Poder Judiciário e da política rebateram nesta terça-feira (26) a criminosa fala do ministro da Economia, Paulo Guedes, em defesa de um novo AI-5 para o Brasil. Expressões como “incompatível com a democracia” e até “governo de covardes” foram usadas em repúdio à posição autoritária do ministro bolsonarista.

Paulo Guedes defende ditadura: “Não se assustem se alguém pedir AI-5” 

Após o deputado Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, propor “um novo AI-5”, o ministro da Economia, Paulo Guedes, também saiu em defesa de medidas autoritárias. Se Eduardo falou em “resposta” caso “a esquerda radicalizasse”, Guedes citou discursos do ex-presidente Lula. “Não se assustem então se alguém pedir o AI-5”, disse o ministro, em Washington (EUA). Autoridades como o governador Flávio Dino (PCdoB-MA) reagiram.

Guedes expõe o Brasil a reviver o pesadelo da vulnerabilidade externa

A combinação de medidas econômicas desastrosas empurra o País para uma crise cambial e fragiliza proteção contra choques externos.

Por Carlos Drummond, na Carta Capital

Deputados do PDT ingressam no STF contra pacote de Bolsonaro e Guedes

Deputados federais do PDT entraram, nesta segunda-feira (11), com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF), contra o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Eles pedem que as PECs, que começaram a tramitação pelo Senado, entregues na semana passada por Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, sejam remetidas à Câmara, que é a casa iniciadora de matérias do Executivo.

O pacotaço de Bolsonaro e Guedes

O pacotaço de novembro, materialização da Agenda Guedes, é um verdadeiro ato institucional, pois altera o caráter do Estado brasileiro, impõe a ditadura do capital sobre o trabalho e, na continuidade dos atentados à nossa Carta, revoga dois dos fundamentos da República (art. 1º da Constituição), quais sejam, a promoção da dignidade da pessoa humana e a relevância do valor social do trabalho.

Por Roberto Amaral*

Pacote de Bolsonaro viola a Constituição ao engessar Judiciário

O presidente Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, apresentarem nesta quarta-feira (6/11) três propostas de emenda à Constituição para reformar o Estado brasileiro. Uma das PECs restringe decisões judiciais sobre pagamentos a servidores e estabelece que ordens gerem despesas só serão cumpridas quando houver previsão orçamentária.

Nem Doria, nem Luciano Huck: mercado já sonha com Paulo Guedes em 2022

O mercado já tem seu candidato para a sucessão de Jair Bolsonaro (PSL) em 2022. É o que aponta Ascânio Seleme em sua coluna desta quinta-feira (7) no jornal O Globo. Segundo ele, o próprio presidente tende a ser descartado “diante das trapalhadas sem fim”. Nomes alternativos à direita, como o tucano João Doria e o apresentador Luciano Huck, ainda não se consolidaram. O nome que sobressai, assim, é o do ministro Paulo Guedes, símbolo do renascimento do neoliberalismo no País.

Deputada quer Paulo Guedes esclarecendo pacote econômico do arrocho

A deputada Alice Portugal (PCdoB-BA) protocolou requerimentos em três comissões diferentes da Câmara dos Deputados (Educação; Trabalho; e Seguridade Social) convocando o ministro da Economia, Paulo Guedes, para prestar esclarecimentos sobre as três propostas de alteração da Constituição Federal (PECs) apresentadas pelo governo como “vitais para a redução dos gastos públicos”: a PEC do Pacto Federativo, a PEC dos Fundos Públicos e a PEC Emergencial.

Plano Guedes: o AI-5 econômico

O plano Guedes anunciado como "Plano mais Brasil" reúne um conjunto de medidas que na prática suspendem os direitos sociais e o arranjo federativo previstos na Constituição Federal de 1988. Da mesma forma que o AI-5 suspendeu os direitos políticos e interferiu diretamente no "pacto federativo", o plano Guedes suspende os direitos sociais e aniquila milhares de municípios.

Por Guilherme Santos Mello*

Flávio Dino diz que pacote de Bolsonaro concentra riqueza e renda

O presidente Bolsonaro e o ministro Paulo Guedes (Economia) lançaram nesta terça-feira (5), no Senado, um pacote econômico que corta salários de servidores e limita gastos com saúde e educação. O plano, bem aceito pela mídia e o mercado financeiro, é visto por outros como mais um arrocho na economia que vai prejudicar a maioria da população.

1 6 7 8 9 10 12