A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: polônia

De Olho no Mundo, por Ana Prestes

O destaque da nota desta quinta-feira (28) é a última colocação do Brasil no ranking mundial de enfrentamento à pandemia. O Brasil também ganhou manchetes na imprensa mundial com a nova variante do coronavírus encontrada em Amazonas. Em Wuhan, a rotina está praticamente reestabelecida. Além da pandemia, a disputa pelo poder na Republica Democrática do Congo, as manifestações contra a proibição total do aborto na Polônia e as novas medidas do governo Biden. O desprestígio de Juan Guaidó frente à UE, o desemprego no mundo segundo a OIT, o bloqueio de Israel ao acesso de palestinos à vacina e a importação para o Brasil de fosfato ilegal são outros assuntos analisados pela cientista política Ana Prestes.

De Olho no Mundo, por Ana Prestes

A reaproximação entre Israel e Marrocos com interferência diplomática dos EUA é o destaque da análise de Ana Prestes. As declarações dos países integrantes do PROSUL, a reunião do Colégio Eleitoral norte-americano, as manifestações na Polônia, o tratamento de Luis Arce no Brasil, a vacinação nos EUA, as negociações do Brexit, a reunião do Acordo de Paris sem o Brasil e a morte da telegrafista que comunicou a rendição da Alemanha nazista são outros assuntos da nota internacional desta segunda-feira (14).

De Olho no Mundo, por Ana Prestes

A eleição presidencial na Polônia e a tensão entre China e EUA são temas centrais da análise internacional de Ana Prestes nesta segunda-feira (13). O agravamento da pandemia de Covid-19 na América Latina e na Flórida (EUA) também é analisada por Prestes, assim como a visita do presidente mexicano, López Obrador, à Donald Trump e a ofensiva deste contra Anthony Fauci, o mais respeitado infectologista norte-americano.

De Olho no Mundo, por Ana Prestes

A União Europeia e o Mercosul se destacam na análise internacional da cientista política Ana Prestes desta quarta-feira (1º). A nova lei de segurança para Hong Kong, as conclusões da investigação sobre o assassinato do general iraniano Qassim Suleimani, as eleições na Polônia e o referendo constitucional na Rússia são os outros temas abordados.

A importância das redes sociais na luta política atual

A pesquisa Datafolha sobre o uso das redes sociais e o comportamento dos usuários dos aplicativos de mensagens publicada recentemente trouxe dados importantes para analisarmos o impacto destas ferramentas na luta política atual.

De Olho no Mundo, por Ana Prestes

Um resumo diário das principais notícias internacionais.

De Olho no Mundo, por Ana Prestes

Um resumo diário das principais notícias do mundo.

Na Europa, políticos como Bolsonaro não trouxeram finais felizes

Húngria, Polônia e Ucrânia. Esses são alguns países em que políticos e partidos com ideias como aquelas de Jair Bolsonaro (PSL) chegaram ao poder – e o final não foi feliz

Por Alessandra Monterastelli 

Mais um primeiro-ministro xenófobo para compor o cenário europeu

O primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán, do partido de direita, nacionalista e populista Fidesz, venceu novamente as eleições na Hungria no último domingo (8), atingindo o seu terceiro mandato e tornando-se mais um no poder a adotar medidas da extrema-direita na Europa

Polônia muda ministros devido à pressão da UE 

Depois que o parlamento polonês ter aprovado uma reforma que subordina o poder judicial ao poder político, a União Europeia ameaçou aplicar a "opção nuclear" contra Varsóvia, que deixaria o país fora das votações do bloco

Comissão Europeia pede punição por conduta antidemocrática da Polônia

Bruxelas reagiu à aprovação da reforma que politiza a justiça, e, em decisão inédita de punição pela deriva antidemocrática do Governo de Varsóvia, a Comissão Europeia recomendou a aplicação de sanções e do artigo 7 do Tratado Europeu contra a Polônia, que corre risco de perder o seu direito de voto em Bruxelas

Direita polonesa aprova pacote de leis que politizam a justiça 

O conservadorismo avassalador continua tomando frente na Polônia. Na sexta-feira (8), houve uma troca de primeiros-ministros e a câmara baixa do parlamento aprovou uma proposta de reforma no sistema judiciário, que culminaria no  aumento do controle político sobre juízes e tribunais

Por Alessandra Monterastelli * 

1 2 3