A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: Stálin

Avô de Putin era cozinheiro pessoal de Lênin e Stálin

Apenas em 2018, durante a gravação de um documentário de duas horas, presidente russo revelou o episódio pela primeira vez

Apoio a Stalin cresce na Rússia; sindicato pede a volta de Stalingrado

Popularidade é particularmente marcante na Geórgia, onde Stalin nasceu, e na Rússia, podendo ser vista nas ruas da capital Moscou e encontrando eco em intelectuais e historiadores.

Como os túmulos de Lenin, Stalin e Che viraram atrações turísticas

Locais que preservam os corpos desses revolucionários recebem centenas de milhares de visitantes por ano

Rússia divulga documentos do pacto quebrado pela Alemanha nazista 

O Ministério da Defesa russo divulgou arquivos inéditos que esclarecem como o Tratado de Não Agressão entre a Alemanha e a antiga União Soviética foi assinado em 1939, quando o país era dirigido por Josef Stálin (1878–1953). No site do ministério, há, agora, uma seção multimídia dedicada ao Pacto Mólotov–Ribbentrop, assinado entre a URSS e a Alemanha nazista. Os documentos, publicados pela primeira vez, lançam luz sobre detalhes desconhecidos da política mundial antes da 2ª Guerra Mundial.

Com museu e nostalgia, cidade natal reverencia Stálin 

Os visitantes do concorrido Museu Stalin, em Gori, na Geórgia, costumam se surpreender não apenas com o imenso acervo de quadros, fotografias e objetos pessoais líder soviético Josef Stálin (1878-1953). Para além da coleção, o que mais impressiona o público é a imagem nostálgica que a população local nutre do mais longevo dirigente da antiga União Soviética.

Os russos e a saudade do socialismo

Pesquisa recém divulgada revela alta aprovação, pelos russos, do governo do líder histórico, Josef Stálin – resultado que pode ser visto como a rejeição do capitalismo e a saudade do socialismo

Por José Carlos Ruy

O decisivo papel das mulheres na batalha de Stalingrado

Passaram-se 75 anos do final daquela que foi certamente a maior batalha da Segunda Guerra Mundial, 75 anos desde o momento em que os russos, seus aliados e milhões de pessoas de todo o mundo deram um suspiro de alívio coletivo

Entrevista com Stalin gera polêmicas na Folha e no DCM

Em janeiro/98, o  jornal Folha de SP publicou a série “Entrevistas Históricas”, com reportagens feitas nos anos 1930. Numa delas, o escritor H. G. Wells entrevista Josef Stálin, líder da URSS. Vinte anos depois, a Folha republicou a entrevista em sua página no Facebbok. O Diário do Centro do Mundo foi lá e viu que a publicação foi alvo de comentários reacionários. Porém, o que não se esperava é que a publicação na página do DCM gerasse polêmicas. Confira a entrevista e tire as suas conclusões.

Brasileiros vão aos 100 anos da Revolução Russa e puxam Fora Temer 

Acaba de terminar em Moscou, na Rússia, a grande manifestação em homenagem aos 100 anos da Revolução Russa, que iniciou com uma caminhada desde o monumento de Pushkin até a Praça da Revolução (em frente ao Teatro Bolshoi (onde está um imponente busto de Marx), concluindo com um ato e show. 

A era Stálin cumpriu uma missão histórica

“A Revolução Russa foi a revolução do século XX, a mais decisiva e que mais marcou os desdobramentos políticos e econômicos”, avaliou o professor da UFRJ, José Paulo Netto, durante o “Seminário Internacional 1917: O Ano Que Abalou o Mundo”. Segundo ele, ao longo da experiência soviética, “cometeram-se graves equívocos”, mas mais importantes foram os ganhos para a emancipação humana. “O balanço é indiscutivelmente positivo do ponto de vista dos avanços civilizatórios”, disse.

Por Joana Rozowykwiat

Encontrado filme inédito do funeral de Josef Stálin

Douglas Smith, historiador estadunidense, encontrou um arquivo repleto de fotografias em um armário da casa onde vivia a viúva de um espião americano, o major Martin Manhoff, que trabalhou na embaixada dos EUA em Moscou de 1952 a 1954. Dentre as fotografias, há um rolo de filme com a cerimônia do funeral do secretário-geral do PC da URSS, Josef Stálin, em março de 1953. Outras fotografias mostram o cotidiano da União Soviética 7 ou 8 anos depois do fim da Segunda Guerra Mundial.

Militares estrangeiros participarão da parada da Vitória em Moscou

Mais de 700 militares estrangeiros participarão da cerimônia na Praça Vermelha em Moscou de comemoração do 70º aniversário da vitória das tropas soviéticas na guerra contra a Alemanha nazista, disse nesta sexta-feira (24) o comandante das Forças Terrestres da Rússia general-coronel Oleg Salyukov.

1 2