A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Altamiro Borges

 Jornalista e presidente do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé.
 Mídia tenta esconder Festival Lula Livre

Nem a chuva chata e incessante reduziu a energia e a alegria dos milhares de participantes no domingo (2) do Festival Lula Livre. Segundo os organizadores, cerca de 80 mil pessoas passaram pela Praça da República, no centro de São Paulo, para manifestar seu repúdio à prisão arbitrária do ex-presidente e contra os abusos de poder da midiática operação Lava-Jato.

Mídia já descarta Bolsonaro, o disfuncional

Nos últimos dias, um setor expressivo da mídia monopolista reforçou a artilharia contra Jair Bolsonaro. Em editorial, o Estadão tratou o governante como “uma ameaça à nação”; já O Globo decretou que “assim não se governa”. A Folha voltou a criticar sua postura ditatorial. Após ajudar a chocar o ovo da serpente fascista que levou o “capetão” à presidência da República, vários veículos agora temem a postura truculenta do novo governante.

Mídia golpista chora sua decepção com a economia

Durante os governos Lula e Dilma, o oligárquico jornal Estadão fez de tudo para desestabilizar política e economicamente o país – como já havia feito no passado contra Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek e João Goulart. Membros da famiglia Mesquita chegaram a carregar cartazes nas marchas golpistas pelo impeachment da presidenta. O decadente diário difundia a seus leitores mais tacanhos que bastava derrubar Dilma Rousseff – e prender Lula – para a economia voltar a crescer.

Cristina Kirchner vai voltar na Argentina?

Na semana passada, a Argentina viveu momentos de alta tensão. O dólar bateu novo recorde, a inflação deu sinais de total descontrole, o chamado “risco-país” disparou e as projeções para o crescimento da economia foram ainda mais frustrantes – com alta do desemprego, das falências e da miséria. Diante do caos, cresceu a boataria de que o presidente Mauricio Macri – o direitista paparicado pelo tucano João Doria e pelos fascistinhas mirins do MBL – até poderia cair antes do final do seu mandato.

Pai de Neymar negocia calote com Bolsonaro

 "Sempre que questionado sobre o calote, Neymar foge como criancinha assustada e seu pai surge como vítima. Mas a situação do craque não justifica a sonegação e nem as negociatas com a turma de Jair Bolsonaro. "

Lollapalooza explorou trabalho escravo

O Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos e Diversões do Estado de São Paulo (Sated) decidiu apresentar denúncia ao Ministério Público do Trabalho para que seja investigada a exploração de trabalho análogo à escravidão na montagem dos palcos do festival Lollapalooza, que terminou no domingo (7) em São Paulo.

 Até Olavo de Carvalho já descarta Vélez

A situação de Ricardo Vélez Rodríguez, o colombiano adulterado que paralisou totalmente o Ministério da Educação com suas atitudes fascistas, complicou-se de vez. Até o seu mentor intelectual, Olavo de Carvalho, decidiu defecá-lo. Após a sinalização do “capetão” Jair Bolsonaro de que vai exonerar o “sinistro” incompetente na próxima segunda-feira (8), o astrólogo de Virgínia postou em seu perfil no Facebook que não irá lamentar o melancólico fim do seu pupilo:

A mídia e o golpe militar de 1964

Segunda-feira, 1º de abril, marca os 55 anos do fatídico golpe civil-militar de 1964. Na época, o imperialismo estadunidense, os latifundiários e parte da burguesia nativa derrubaram o governo democraticamente eleito de João Goulart. Naquela época, a imprensa teve papel destacado nos preparativos do golpe. Na sequência, muitos jornalões continuaram apoiando a ditadura, as suas torturas e assassinatos. Outros engoliram o seu próprio veneno, sofrendo censura e perseguições.

Flávio Bolsonaro perde poder no PSL e no clã

O bordel de Jair Bolsonaro – que reúne milicos rancorosos, abutres financeiros, corruptos laranjas, milicianos fascistas e fanáticos religiosos, entre outros aloprados – vive em guerra permanente e sangrenta.

Bolsonaro despenca. Como o fascista reagirá?

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (20) confirma uma acelerada queda de popularidade do presidente Jair Bolsonaro.

Previdência pode “aposentar” Bolsonaro

Deixando de lado o vídeo pornô, as sacanagens no Twitter e outras obscenidades, o presidente-capetão – que levou uma baita “mijada” no Carnaval da revolta – jogará seu futuro a partir de agora no Congresso Nacional com a votação da contrarreforma da Previdência.

Processo contra Haddad é arquivado. Agora?

O Tribunal de Justiça de São Paulo arquivou, na semana passada, a ação penal contra o ex-prefeito Fernando Haddad (PT), acusado levianamente por lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e corrupção passiva.

1 10 11 12 13 14 15