A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: luta das mulheres

PCdoB de Brasília se prepara para as lutas de 2015

A direção do PCdoB de Brasília se reuniu no último sábado para avaliar o quadro político, as demandas e os desafios que o partido enfrentará em 2015.

CTB realiza debate e lança novo número da Revista Mulher D'Classe

Na próxima quarta-feira (4), às 19h no auditório Rubens Borba de Moraes, da Biblioteca Mário de Andrade, em São Paulo, a Secretaria da Mulher Trabalhadora da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), lança a edição número 5 da Revista Mulher D' Classe.

Liège Rocha sobre luta das mulheres: "Sim, nós podemos"

"Sim, nós podemos", afirmou Liège Rocha, secretária da Mulher do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), em entrevista à Rádio Vermelho, ao falar sobre o papel da mulher na luta política e sobre a comemoração dos 83 anos da conquista do voto feminino no Brasil.

Joanne Mota, da Rádio Vermelho

Senadora do PCdoB defende cota de 30% para mulheres no Congresso

Durante a sessão temática do Plenário do Senado para debater a reforma política, nesta terça-feira (24), a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) defendeu a reserva de 30% das vagas do Congresso para mulheres. A senadora, que é procuradora da Mulher no Senado, lembrou que essa é a proposta da bancada feminina na Casa.

Contra oposição, Mulheres Classistas se preparam em defesa do Brasil

A luta política em curso convoca todos os setores da sociedade para garantir que o Brasil siga no rumo das mudanças e as mulheres trabalhadoras estão alertas à luta em curso. A Rádio Vermelho foi ouvir a opinião da secretária Nacional da Mulher Trabalhadora da CTB, Ivânia Pereira, que fez importante reflexão sobre a atual conjuntura e os desafios das trabalhadoras e trabalhadores neste ano de 2015.

Joanne Mota, da Rádio Vermelho

Vanja Andréa: Orgulho de ser única, mas com desejo de ser muitas

A foto oficial da posse dos deputados estaduais do Amazonas, eleitos em 2014, destaca Alessandra Campelo do PCdoB/AM como a única figura feminina. Se o espaço ocupado por ela não corresponde ao tamanho do contingente de mulheres do nosso estado, o mesmo não se pode dizer dos obstáculos que enfrentará. Isso a julgar pela eleição da mesa diretora da casa 100% masculina, fato que reafirma a Assembleia Legislativa como um vergonhoso reduto machista.

Por Vanja Andréa Santos*

Mulheres ocuparão o Congresso Nacional em 2015 por mais direitos

Em entrevista à TV da Liderança do PCdoB na Câmara, Maria das Neves, diretora cultural da União Nacional do Estudantes (UNE), convoca brasileiras e brasileiros a intensificarem a luta por mais direitos. Dentre as ações previstas para o primeiro semestre de 2015, a dirigente destacou o 8 de Março, a Marcha das Mulheres Negras e a Marcha das Margaridas.

Entidades mobilizam para a Marcha das Mulheres Negras 2015 

Em vídeo, o Comitê Nacional Impulsor da Marcha das Mulheres Negras 2015 contra o Racismo e a Violência e pelo Bem Viver reforça campanha de mobilização para o ato que ocorrerá em 18 de novembro de 2015, na capital federal.

Leia maisEntidades se preparam para grande marcha contra o racismo

Luciana Santos luta pela ampliação das mulheres nos espaços de poder

Única mulher da Bancada de Pernambuco no Congresso Nacional, a deputada e candidata a reeleição Luciana Santos (PCdoB/PE) fala da luta pela ampliação das mulheres nos espaços de poder desde seu primeiro ano de mandato. Entre outras atividades participou das campanhas “Mulher, Tome Partido”, “Mulher na Política” e “Somos Todas Mulheres de Tejucupapo”, como forma de ampliar o alcance do debate sobre a participação feminina nos Parlamentos.

Por Ramon de Castro, para a Rádio Vermelho

Marcha das Vadias reafirma luta contra a violência sexual e de gênero

Em defesa dos direitos femininos, cerca de 800 pessoas participaram da Marcha das Vadias, neste sábado (9), na orla de Copacabana, no Rio de Janeiro. Ao longo da marcha, os participantes gritavam palavras de ordem com contra a violência sexual e de gênero e em defesa de direitos como ao parto humanizado, ao aborto e aos direitos sexuais. 

Congresso da UBM debate democracia e mais poder para as mulheres

Com o tema “Mais Democracia, mais Poder para as Mulheres e o Brasil Avançar”, a União Brasileira de Mulheres (UBM) realiza, entre os dias 4 e 6 de junho, seu 9º Congresso Nacional. De acordo com a entidade, a abertura ocorrerá em Brasília, no dia 4 de junho, já as plenárias, que ocorrerão nos dias 5 e 6 de junho, serão realizadas em Luiziânia, Goiás.

Em 47% de empresas produtivas não há mulheres na liderança

Cerca de metade das empresas brasileiras (47%) não possui mulheres em cargos de diretoras ou presidentas, índice abaixo da média global, que é de 33%. O cenário revela um retrocesso em relação aos anos anteriores: em 2013, 33% das empresas do país não tinham mulheres em cargos de liderança e, em 2012, 26%, segundo a pesquisa International Business Report 2014, que há 19 anos analisa 12,5 mil empresas em 45 países, sendo 300 brasileiras, em geral de médio porte. 

1 2 3 4 5