A esquerda bem informada
A esquerda bem informada

Tag: Marrocos

Argélia rompe relações com Marrocos e rejeita ameaças de Israel

A Ar­gélia rompeu as re­la­ções di­plo­má­ticas com Mar­rocos e acusou Rabat de fo­mentar, com apoio de Is­rael, “uma po­tência mi­litar es­tran­geira”, a­ções hostis que ame­açam a se­gu­rança no Ma­grebe.

Prossegue coleta de assinaturas para independência do povo saharaui

Saiba como declarar sua solidariedade à luta do povo saharaui, até esta quarta-feira (17), às 18h (horário de Brasília).

O retorno da Guerra no Saara Ocidental: o que você precisa saber

Território do noroeste da África, rico em recursos naturais, está ocupado militarmente desde 1975 pelo Reino do Marrocos.

Marrocos viola o cessar-fogo no Saara Ocidental e situação deteriora

O porta-voz do governo da República Árabe Saarauí Democrática (RASD) Hamada Selma informou nesta sexta-feira (13) que as forças marroquinas abriram três brechas a leste do muro que o Marrocos construiu no território ocupado do Saara Ocidental, em flagrante violação do cessar-fogo em vigor desde 1991.

Outro navio com fosfato extorquido pelo Marrocos deve chegar ao Brasil

Está a caminho do porto de Santos, com chegada estimada em 19 de junho, mais um navio carregado de fosfato saarauí, explorado e exportado pelo Marrocos. O Lalis D (IMO 9613666), de bandeira da Libéria, partiu do porto de El Aiún, no Saara Ocidental ocupado. A prática é reiterada: este pode ser o quarto cargueiro do tipo a chegar ao Brasil em um ano.

Entidades saaráuis condenam violência da ocupação marroquina

O presidente da Associação de Familiares de Presos e Desaparecidos Saarauis (AFAPREDESA), Omar Abdeslam, condenou no sábado (10) o silêncio internacional diante dos abusos, a opressão, a perseguição e a tortura do povo saaráui nas zonas ocupadas pelo Marrocos, acusando países como a França e a Espanha por seu respaldo à ocupação marroquina

Saráuis exigem compromisso da ONU com a promessa de autodeterminação

A Declaração de Viena de 1993 afirma a indivisibilidade dos direitos humanos, inclusive à paz e à autodeterminação. Com base neste compromisso, os saráuis levantaram a sua bandeira no Conselho de Direitos Humanos da ONU em debate na segunda-feira (20) sobre a Declaração, denunciando a pendência da descolonização e a ocupação marroquina, assentada na violação dos direitos dos saráuis e no roubo dos seus recursos naturais e energéticos.

Por Moara Crivelente, de Genebra para o Portal Vermelho 

"Saráuis não aceitam mais promessas vazias", diz documentarista

A Nomos Editora e Produtora Independente lança um urgente documentário sobre a luta do povo saráui: Um Fio de Esperança: Independência ou Guerra no Saara Ocidental. Os diretores Rodrigo Duque Estrada e Renatho Costa divulgam a campanha de financiamento coletivo e o trailer da história que transmitem aos brasileiros após recente visita ao Saara Ocidental, história de luta anti-colonial e brava resistência. Estrada conta o que o fez tomar a iniciativa para um importante libelo. 

Contra o muro do silêncio: Saráuis resistem à ocupação e negligência 

São 133 anos de colonização e 42 de ocupação. O povo saráui manifesta uma resistência potente, seja sob a ocupação marroquina, seja nos campos de refugiados no deserto argelino. Entretanto, a “paciência” não é infinita e os saráuis não podem mais ouvir o apelo por ela. Em visita recente, o Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e luta pela Paz (Cebrapaz) ouviu relatos e testemunhou consequências da pendência colonial e da negligência mundial. 

Por Moara Crivelente, para o Portal Vermelho 

41 anos da República saráui: Presidente apela à ONU contra ocupação 

Nesta segunda-feira (27), o povo saráui comemora os 41 anos desde o estabelecimento da República Árabe-Saráui Democrática (RASD) com grande festa, discursos políticos, apresentações folclóricas e a presença de delegações internacionais, inclusive do Brasil e outros latino-americanos. O presidente Brahim Ghali abordou a resistência saráui histórica, a atual tensão no muro construído pelo Marrocos, a ocupação marroquina e o papel da ONU.

Por Moara Crivelente, de Smara para o Portal Vermellho

Saarauis poderão retomar luta armada contra Marrocos, diz chanceler

O povo saaraui poderá retomar as armas contra a ocupação marroquina, tendo em vista a inércia internacional, afirmou o chanceler da República Árabe Saaraui Democrática (RASD), Mohamed Salem Ould Salek.

Reino do Marrocos transforma Casablanca em paraíso fiscal

Poderosas instituições financeiras internacionais, designadamente o BNP Paribas, AIG e a União dos Bancos Suíços (UBS), esta de maneira encoberta, estão se instalando no Marrocos, onde a casa real gere diretamente a criação, em Casablanca, do que pretende ser o principal centro financeiro pan-africano.

Por Armando Vicente, de Casablanca para Jornalistas sem Fronteiras

1 2 3